Vinhos lusos ganham terreno no gigante asiático

Há dez anos os vinhos portugueses eram perfeitos desconhecidos na China. Hoje, é o quinto maior mercado dos néctares lusos fora da Europa.

O ano passado, as exportações de vinhos portugueses para a China ultrapassaram os onze milhões de euros. Um valor que representa 15 vezes mais as exportações de 2006. Um volume “ainda pouco significativo, mas apresenta uma taxa de crescimento assinalável”, nota Jorge Monteiro, o presidente da ViniPortugal, a associação interprofissional do setor vinícola português.

A dimensão demográfica do mercado chinês, a acelerada dinâmica da sua economia e o potencial de crescimento do consumo per capita de vinho – as importações duplicaram entre 2005 e 2009 – são os fatores onde se sustenta a aposta dos néctares nacionais no gigante asiático.

O objetivo é “criar notoriedade para a marca Portugal, e só depois poderá haver espaço para trabalhar as Denominações de Origem ou as Indicações Geográficas, hoje praticamente desconhecidas”, explicou Jorge Monteiro à INVEST.

 

Leia mais aqui.

Mónica Monteiro Santos | Revista INVEST

SLIDESHOW | Showreel 2019

SLIDESHOW | Showreel 2019

Publicidade2